Receitas e despesas

 

Evolução das receitas e despesas - janeiro a agosto de 2018 (janeiro a novembro 2018 PDF)

Clique aqui e acesse as receitas do Estado.

NOTAS
Demais Segurados:
Contribuintes individuais por exemplo servidores da Lei 100 e também aqueles  que se encontram em Licença para tratar de Interesses Particulares – LIP e que optaram em contribuir para o IPSEMG;
Dependentes;
Contratos Administrativos (CDAs);
Dívida Ativa de Convênios.

Outras Receitas:
Multas administrativas, contratuais e judiciais;
Serviços administrativos;
Remuneração de depósito bancário;
Aluguéis.

Precatório:
Requisição de pagamento de uma quantia certa feita ao ente público (União, Estado, município, suas autarquias ou fundações), em virtude de decisão judicial definitiva e condenatória, que possibilita à pessoa vitoriosa receber o crédito da condenação.
RPV (Requisições de Pequeno Valor) - são requisições feitas ao ente público (União, Estado, Município, suas autarquias ou fundações) para pagar quantia certa, em virtude de uma decisão judicial definitiva e condenatória, que possibilita à pessoa vitoriosa receber o crédito da condenação independentemente da expedição de precatório. Em 2018, o limite estabelecido para RPV é de R$ 15.356,36.
 

Evolução das receitas e despesas nos últimos anos

Janeiro a dezembro de 2017 (janeiro a dezembro 2017 PDF)

Janeiro a dezembro de 2016 (clique aqui para acesso ao arquivo JPEG)

 

Fique de olho

IPSEMG IPSEMG - Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves - Rodovia Papa João Paulo II, nº4001 - bairro Serra Verde - 3º e 4º andares do prédio Gerais
Belo Horizonte/MG - CEP: 31630-901
Todos os direitos reservados - Aspectos legais e responsabilidades, Política de privacidade  Telefones de contato