Semana Mundial de Luta Contra a Hanseníase

A cada ano, o Brasil registra 30 mil casos novos de hanseníase. O país é o que concentra o maior número de casos e o único que não está em processo de eliminação da doença, segundo a Organização Mundial da Saúde.

Nesta semana celebra-se a Semana Mundial de Luta Contra a Hanseníase. Causada por uma bactéria, a doença é infecciosa e afeta a pele e os nervos periféricos, em especial os dos olhos, braços e pernas. Os sintomas da hanseníase incluem: sensação de formigamento, fisgadas ou dormência nas extremidades; manchas brancas ou avermelhadas, geralmente com perda da sensibilidade ao calor, frio, dor e tato; áreas da pele aparentemente normais que têm alteração da sensibilidade e da secreção de suor; caroços e placas em qualquer local do corpo; diminuição da força muscular (dificuldade para segurar objetos). Fique atento aos sintomas e procure um médico.
 

Publicado em 24/01/2017 14:27

IPSEMG IPSEMG - Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves - Rodovia Papa João Paulo II, nº4001 - bairro Serra Verde - 3º e 4º andares do prédio Gerais
Belo Horizonte/MG - CEP: 31630-901
Todos os direitos reservados - Aspectos legais e responsabilidades, Política de privacidade  Telefones de contato